Por que o papa está vindo à terra santa?

O Papa Francisco anunciou no dia 5 de Janeiro de 2014 que ele estaria visitando a Terra Santa. No pronunciamento ele disse:

“No clima de alegria, típico deste tempo natalício, desejo anunciar que nos dias 24 a 26 de maio próximo, se Deus quiser, realizarei uma peregrinação à Terra Santa. A finalidade principal é comemorar o histórico encontro entre o Papa Paulo VI e o Patriarca Atenágoras, realizado exatamente no dia 5 de janeiro, há 50 anos.”

As etapas serão divididas em três dias: a de Amã, Belém e Jerusalém. Junto do Santo Sepulcro celebraremos um Encontro Ecumênico com todos os representantes das Igrejas cristãs de Jerusalém, juntamente com o Patriarca Bartolomeu de Constantinopla o qual nos pede “que rezeis por esta peregrinação que será uma peregrinação de oração”.

A primeira menção de uma visita a Terra Santa veio imediatamente depois da inauguração de seu papado. O Patriarca Ecumênico Grego Ortodoxo de Constantinopla Bartolomeu expressou o desejo de que os dois líderes se encontrassem em Jerusalém para comemorarem o Encontro de 1964 entre o Papa Paulo VI e o Patriarca Ecumênico Atenágoras.

O Papa foi convidado para vir a Terra Santa pelos chefes de cada Estado:

– Presidente Shimon Peres de Israel visitou o Papa Francisco em 30 de abril de 2013.

– Rei Abdullah II da Jordânia fez sua visita ao Papa Francisco em 29 de agosto de 2013.

–          Presidente Mahmoud Abbas da Autoridade Palestina realizou sua visita ao Papa Francisco em 17 de outubro de 2013.