Rumores de que a visita do Papa será cancelada

Acompanhando a publicação do website “The Time of Israel”, em que afirmam o cancelamento da visita do Papa Francisco por causa da greve dos funcionários do Ministério de Israel para Assuntos Estrangeiros, Padre Federico Lombardi, porta-voz da Santa Sé, afirmou à AFP (Agência de Imprensa Francesa): “uma greve é um problema e pode causar complicações nos preparativos para a viagem.”

 

De acordo com “i.media”, especialistas em assuntos do Vaticano, “não existe grande preocupação por parte deles”. Esta agência fez contato com  fontes internas do Vaticano, próximas à organização da visita do Papa Francisco à Terra Santa, e estas fontes declararam: “reconhecemos que a greve, que está apenas começando, dificulta seriamente os preparativos para a visita do Sumo Pontífice, que acontecerá entre 24 e 26 de Maio na Jordânia, Palestina e Israel. Contudo, o Estado de Israel confirmou que este assunto é exclusivamente israelense.” Portanto, “é um problema deles”, comentou um dos organizadores, reafirmando que a visita está longe.